quinta-feira, 31 de março de 2011

D. Sócrates I - O Formoso



Que todo o Reino pôs em muito aperto.
As terras sem defesa, esteve perto
de destruir-se o Reino totalmente,
que um fraco Rei faz fraca a forte gente.

in Os Lusíadas, Canto III, 138

quarta-feira, 30 de março de 2011

O Homem do Povo

Com as eleições à porta, vejam como se faz um democrata, mesmo que no seu íntimo não passe de um coronel. 
Lá como cá, que diferença há entre a ficção e a realidade?


segunda-feira, 28 de março de 2011

Sem comentários. Best of socrates (2009 - 2010)

E diz este senhor que os outros é que dão cambalhotas! Ele é o mestre do contorcionismo político.
Vejam... Vale mais uma amostra do que mil palavras...

quinta-feira, 24 de março de 2011

Pedro Passos Coelho


"O homem sábio tem duas línguas: uma para dizer a verdade, outra para dizer o que é oportuno"
                                                         Eurípedes

Primeiro Ministro


"Não se deve amarrar um navio a uma só âncora, nem uma vida a uma só esperança"
                                                   Epicteto



sábado, 19 de março de 2011

GÉNESIS


Ah, beleza encontrada
deste painel de montes, céu e água,
que o acaso pintou
com cega brutalidade,
e deixou
na pura exactidão que exige a eternidade!

in Antologia, Miguel Torga

Homenagem a todas as mulheres sardentas


Tu, nesse corpo completo,
Ó láctea virgem doirada,
Tens o linfático aspecto
Duma camélia melada.

Cesário Verde, Obra Poética Integral


sexta-feira, 18 de março de 2011

Nova Igreja de S. Bento da Porta Aberta


Com a festa em honra de S. Bento a 21 de Março, aqui deixo uma perspectiva da nova cripta, inaugurada em 1998, imponente na sua arquitectura e beleza.

sábado, 12 de março de 2011

Primavera à Porta

video



Com a chegada da primavera, os insectos estão de volta para o trabalho importantíssimo que desempenham na natureza.
Apesar de mal-amados, eles têm um papel valiosíssimo nos ecossistemas.
São os animais mais abundantes à face da Terra, afectando as pessoas e os restantes seres vivos. Causam 
benefícios e prejuízos, no entanto, sem eles, o planeta não sobreviveria muito tempo.
Muitos insectos são considerados daninhos, mas a maioria deles é benéfica para a vida do homem e para a sustentabilidade do meio ambiente. Muitas espécies estão a ser vítimas dos produtos químicos usados na agricultura e o declínio das diversas populações de insectos polinizadores constitui um sério problema ambiental para a humanidade.